Início Comunicação Interna Outubro Rosa: 9 dicas de ações + kit de materiais de RH

Outubro Rosa: 9 dicas de ações + kit de materiais de RH

Dê boas-vindas ao Outubro Rosa, o mês de combate ao câncer de mama. Inspire-se nas dicas de ações e aborde temas como o exame de toque, a mamografia, etc.

Quando o assunto é a saúde das colaboradoras que trabalham na sua empresa, um toque de cuidado nunca é demais. Esse é o mote da campanha do Outubro Rosa, o mês da luta contra o câncer de mama, um dos tipos de câncer mais comuns entre as mulheres. 

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), foram estimados 66.280 novos casos de câncer de mama em 2022. A boa notícia é que, se descoberto logo no início, as chances de cura podem chegar a 95%, como aponta o Instituto Oncoguia. 

Por isso o Outubro Rosa é tão necessário. Além de levar informação sobre a doença ao público, a campanha aborda temas como o exame de toque, a mamografia e várias outras formas de prevenir o câncer de mama. Saiba como incluí-lo no calendário de ações da sua empresa:

E a sua empresa? Já vestiu a camisa do Outubro Rosa?

Se o Outubro Rosa é um movimento que ganhou o Brasil e o mundo, nada mais justo que a sua empresa também entre na briga contra o câncer de mama. Para isso, deixe os tabus de lado e abra espaço para discutir o tema de maneira didática e sem preconceitos.

Um dos tópicos que costuma gerar muitas dúvidas entre as mulheres é o exame de toque.

Embora ele seja indicado a partir dos 20 anos e sirva para identificar se há algo de errado nos seios, a desinformação, o medo e as questões culturais acabam distanciando as funcionárias desta que é uma das principais formas de prevenir e detectar os primeiros sinais da doença.

Outro fator que pode contribuir para a falta de adesão ao autoexame é a persistência de visões equivocadas a respeito do corpo da mulher que, muitas vezes, é objetificado pela sociedade. Afinal, o toque, seja ele sexual ou não, ainda é visto como algo errado, o que não é verdade.

Para evitar que as mulheres da sua empresa deixem de se examinar por conta dessas barreiras, é essencial espalhar a mensagem de que não há nada de errado em conhecer o próprio corpo e promover a educação contínua sobre a saúde mamária, mesmo após a campanha.

Vale lembrar que o exame de toque, apesar de importante, não substitui a mamografia, que é o único exame capaz de realmente diagnosticar o câncer de mama. Enquanto o autoexame serve para identificar mudanças na mama e nos mamilos no dia a dia, apenas os exames de imagem podem chegar a um diagnóstico mais preciso.

Quer saber como abordar o Outubro Rosa de um jeito mais informativo? Leia as dicas de endomarketing que preparamos para a sua empresa e baixe grátis o kit de materiais de RH.

1. Press-kit

Se até pouco tempo atrás a presença dos colaboradores era uma condição para que eles fossem impactados por uma campanha de endomarketing, hoje o cenário é bem diferente.

Para se adaptar aos novos tempos e não deixar ninguém de fora das ações e dos conteúdos do Outubro Rosa, baixe o kit de materiais de RH e monte um press kit com botton, camiseta, etc.

Dessa forma, você não só contempla os funcionários que trabalham presencialmente, mas também aqueles que estão em regime de home office e/ou moram longe da organização.

  • Para que serve? Promover a conscientização sobre o câncer de mama.
  • Envolve quantas pessoas? Todos os colaboradores, não há número específico.
  • Quanto tempo dura? 30 dias ou enquanto durar a campanha.
  • Vou precisar de quê? Button, camiseta e demais itens do kit de materiais de RH.

2. Às quartas usamos rosa

Que tal utilizar uma referência de um filme que quase todo mundo conhece e transformá-la em uma ação para lá de criativa? É a comédia Meninas Malvadas (2004), um ícone da cultura pop.

Inspire-se em uma das falas mais icônicas do longa e incentive o time a vestir-se de rosa em uma das quartas-feiras de outubro. Dessa forma, todos podem entrar no clima da campanha.

Agora, se a sua empresa tem verba para investir ainda mais na campanha, confeccione a camiseta exclusiva que disponibilizamos no kit de materiais de RH do Outubro Rosa 2023.

  • Para que serve? Divertir e inspirar a equipe com um filme que marcou gerações.
  • Envolve quantas pessoas? Todos os colaboradores que desejarem participar.
  • Quanto tempo dura? Uma quarta-feira específica de outubro.
  • Vou precisar de quê? Camiseta rosa ou a camiseta exclusiva do kit de materiais de RH.

3. Exemplos da vida real

Em setembro do ano passado, a atriz Rachel Zegler, que dará vida à princesa Branca de Neve no próximo live-action da Disney, postou um relato emocionante em seu Instagram.

Em 2020, quando tinha apenas 19 anos de idade, a atriz descobriu um nódulo na mama e precisou passar por uma cirurgia em meio à pandemia de Covid-19. Leia na íntegra:

Há dois anos, senti um caroço no meu seio e passei por aquela que foi, sem dúvida, a semana mais assustadora da minha vida. Nenhum ginecologista estava aceitando novos pacientes, porque eles já estavam com as consultas de rotina atrasadas devido à pandemia, mas eu tive a sorte de contar com meu pediatra, que encomendou um ultrassom. Depois, tive que fazer uma cirurgia para retirar o nódulo, que passou por uma biópsia. Por sorte, era benigno. E agora a cicatriz serve como uma bilhete para lembrar de checar meus seios regularmente para ver se tem algum caroço estranho. O fibroadenoma (tumor benigno na mama) é uma ocorrência até comum, mas ainda assim extremamente assustador de encontrar.

Detectar no começo salva vidas, chequem seus peitinhos! — Rachel Zegler

Histórias como essa não estão nos contos de fada, mas podem ter um final feliz. Inspire-se nos relatos de mulheres que usam o seu espaço na mídia para conscientizar o público interno. 

  • Para que serve? Impactar os colaboradores com relatos de pessoas reais.
  • Envolve quantas pessoas? Todos os colaboradores.
  • Quanto tempo dura? 30 dias ou enquanto durar a campanha.
  • Vou precisar de quê? Histórias inspiradoras para ampliar o impacto da mensagem.

4. A luta contra o câncer de mama tá on

Outubro Rosa | Kit de materiais de RH | Mockup

Por que deixar a campanha no off se ela pode atingir mais pessoas no digital? Use as redes sociais e o app de comunicação interna para postar imagens e vídeos sobre o Outubro Rosa.

Caso você queira investir em uma comunicação interna mais estratégica e direcionada, escolha o ImidiaTV, a TV corporativa da Pix Mídia: uma solução versátil e que não passa despercebida.

Assim, você cria grades de programação em poucos cliques, exibe o conteúdo em uma ou mais TVs instaladas em locais estratégicos e alcança o público interno em qualquer lugar.

Para atingir melhores resultados e aproximar-se da equipe, invista no ImidiaApp: o aplicativo que leva as informações que realmente importam direto no celular dos colaboradores.

  • Para que serve? Aumentar o alcance da campanha.
  • Envolve quantas pessoas? Todos os colaboradores e seguidores nas redes sociais.
  • Quanto tempo dura? 30 dias ou enquanto durar a campanha.
  • Vou precisar de quê? Imagens e vídeos do kit de materiais de RH.

5. Luz na passarela que lá vem elas

O Desfile das Vitoriosas é um evento que virou tradição na cidade de Gravataí (RS).

Na ocasião, mulheres que superaram ou ainda enfrentam o câncer de mama desfilam com elegância e orgulho, exaltando sua força e servindo de inspiração para toda a comunidade.

Com base nisso, sua empresa pode aproveitar o Outubro Rosa para promover uma ação semelhante, reforçando o compromisso com a saúde e o bem-estar das colaboradoras.

Se preferir, você pode substituir o desfile por uma Caminhada das Vitoriosas!

  • Para que serve? Mobilizar e sensibilizar a comunidade empresarial.
  • Envolve quantas pessoas? Colaboradoras que superaram ou enfrentam a doença.
  • Quanto tempo dura? Duração de um evento ou caminhada, geralmente um dia.
  • Vou precisar de quê? Convidar mulheres que queiram participar da ação.

+4 dicas BÔNUS para o Outubro Rosa

Capturando coragem | A fotografia tem o poder de contar histórias sem palavras. Incentive os funcionários a capturar momentos ou imagens que representem força, esperança e resiliência. Crie uma exposição no local de trabalho durante o Outubro Rosa.

Murais da memória | Desenhar e pintar são formas simples de expressar sentimentos. Forneça telas e tintas para que os colaboradores possam pintar imagens ou mensagens relacionadas à conscientização sobre o câncer de mama. Esses murais podem ser expostos no escritório ou em áreas de descanso para educar toda a equipe.

No ritmo da esperança | Proponha que os colaboradores escrevam canções, toquem algum instrumento ou criem playlists que capturem o espírito de luta e esperança do Outubro Rosa. Organize uma noite de talentos ou compartilhe essas listas de música no ImidiaApp.

Tecendo histórias | Muitas pessoas encontram conforto e expressão no artesanato. Encoraje os colaboradores a criar lenços, mantas ou bandanas com desenhos e mensagens alusivas ao Outubro Rosa. Em seguida, os itens podem ser doados aos pacientes em tratamento.

Sobre o Outubro Rosa

Tudo começou nos anos 90, nos Estados Unidos. Na época, as ações ocorriam em lugares isolados, mas, com a aprovação pelo Congresso Americano, o mês de outubro foi escolhido como o mês de combate ao câncer de mama.

O laço rosa, por sua vez, surgiu em 1990, quando a Fundação Susan G. Komen for the Cure distribuiu o símbolo aos participantes da primeira Corrida pela Cura, evento que ainda ocorre em Nova York até os dias de hoje.

Desde então, outras cidades dos EUA aderiram à campanha. Entre as ações, destacam-se as corridas, eventos em espaços públicos, desfiles com sobreviventes da doença e muito mais.

No Brasil

O Outubro Rosa chegou no Brasil em 2002. A campanha só repercutiu anos mais tarde, em 2008, quando o Instituto Neo Mama acendeu luzes cor-de-rosa na Fortaleza da Barra (SP).

A ação inspirou outras entidades do país, como é o caso de Brasília (DF), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e Salvador (BA). Conheça outros monumentos que aderiram à campanha:

Monumentos iluminados para o Outubro Rosa

Para ouvir

Em 2019, o podcast Bem Estar da TV Globo lançou um episódio sobre o Outubro Rosa. Na ocasião, o programa ouviu a psico-oncologista Luciana Holtz e a jornalista Ana Michelle Soares, que enfrentou a doença há 10 anos. Ouça aqui.

Para assistir

Por fim, o filme Unidas Pela Vida (2013) dá uma aula de amizade e superação. O drama com pitadas de comédia conta a história de Annie Parker, Uma mulher que recém descobriu um câncer de mama. Baseado em fatos. Assista aqui

Conheça a Pix Mídia.
Peça uma demonstração gratuita.

Falta pouco para você solicitar uma demonstração grátis das nossas soluções. Preencha abaixo:

ImidiaApp

Temos outros conteúdos para você!

Como assim você vai sair antes de garantir uma

demonstração gratuita?

Preencha os campos abaixo e solicite uma demonstração gratuita.

TV Corporativa para Empresas